Frustrações e vendas

Adoro vender. Adoro prospectar, mandar propostas. Adoro quando alguém me pede um orçamento. Adoro o relacionamento com o cliente. Vender é um grande barato! Não tem rotina. Eu me sinto vivo. Sinto correr o sangue nas veias.

O mais incrível é que, apesar de todos sermos vendedores e o sucesso de qualquer empresa ou país depender das vendas que fazemos uns aos outros, a nossa profissão ainda é discriminada.

Pergunte a qualquer pai de família o que deseja que seu filho seja quando crescer. A resposta é fácil: médico, advogado, engenheiro... você já viu algum pai dizer: “Eu quero que meu filho seja vendedor”? Não, não viu.

E ainda hoje inventamos nomes bonitos para fugir da “linhagem” de vendedor. Nomes bacanas é verdade, como engenheiro de vendas, consultor de negócios, gestor comercial, mas fica chique mesmo quando usamos termos em inglês, afinal quem não quer ser um sales consultant?

Entretanto, eu já descobri por que a maioria das pessoas olha com o nariz torto para a profissão de vendedor: é que vendas é frustrante. Isso mesmo! Nós levamos muito mais “não, obrigado” que “sim, valeu!”. Andamos de um lado para outro, levamos chá de cadeira e, às vezes, imploramos para marcar uma visitinha, carregamos pastas, catálogos e muitos parecem outdoors ambulantes.

Frustatione meus amigos não é fácil! É duro quando não acontece aquilo que esperávamos. O mundo real é assim, em vendas também. Você tem grandes chances de se sentir frustrado. Mas e daí? E daí que você precisa praticar algumas “regrinhas” para alcançar mais sucesso e menos daquilo que chamo de “frustradinho” – mistura de frustrado com coitadinho. Gostou? Acabei de inventar.

» Aprenda a lidar com o NÃO, OBRIGADO – Escrevi com letras maiúsculas porque assim a dor é maior e você se torna mais resistente. Ouvir “não” é normal. Ninguém consegue vender para todos os prospects e o não pode ser um grande incentivador, pois quanto mais recebo, mais perto estou de um sim!

Uma tática que uso até hoje é prospectar todos os dias e, às vezes, ligo com o propósito de receber um não,pois como já sei que vou levá-lo, faço todos os tipos de perguntas. Por que não contratar um treinamento agora? Por que o senhor pensa que sua equipe não precisa disso nesse momento? Perguntas e mais perguntas... e vou aprendendo com as respostas. Moral da história: use o não como um aprendizado e um incentivador para chegar mais perto de um sim.

» Dedicação e persistência – Caso você pense em desistir já nas primeiras situações frustrantes, sinto muito, meu amigo, mas você está na profissão errada. Vender é um ato de dedicação e persistência. Você precisa provar que é um grande negócio. Que é um sujeito confiável. Se casaria com alguém se baseando apenas na primeira impressão? Haverá obstáculos e agradeça a Deus por eles, pois é assim que vai amadurecer e crescer nessa profissão.

» Autocontrole e autodisciplina – Não no sentido radical da coisa, e sim em estabelecer uma rotina de trabalho e planejamento (como vendedor detesta planejar, meu Deus!). Não sair dando tiro para todo lado. Obedecer aquilo que você tratou consigo, usar efetivamente o conhecimento que tem e principalmente autocomprometimento. Autocontrole e autodisciplina no sentido de ter empenho, ou melhor, muito empenho para atingir suas metas e realizar seus sonhos.

Pois é, meu amigo vendedor, vendas não é uma arte nem questão de ser simpático, sorridente ou carismático. Ela é uma ciência que tem um pouco de exata e muito de humana. E eu, na qualidade de vendedor, só posso garantir com toda a certeza do mundo que vender não é fácil, mas é apaixonante!

Fonte: Paulo Araújo - palestrante e escritor. Autor de “Desperte seu Talento – dicas essenciais para a sua carreira” - Editora EKO, entre outros livros. Site: www.pauloaraujo.com.br

Dia 26 de maio de 2013

Você também trabalha com vendas e aprendeu a lidar com frustrações no seu dia-a-dia? Compartilhe essa página nas suas redes sociais:

Twitter Compartilhe no Twitter
Facebook Compartilhe no Facebook.
Linkedin Me procure no Linkedin.
Foursquare Também uso o Foursquare.
Slideshare Também uso o Slideshare.
Scribd Também uso o Scribd.

Permalink: 

Ler outros artigos.

Diversos

Varejo Fale comigo Empresas Livros BizAgi BPM Modeler

Consultoria

Sua empresa cresceu ultimamente et você não consegue mais controlar os custos? Implemente as metodologias TCM, BPA, CRM e WPM!

Contato

Meu serviço de consultoria em Softwares de Gestão & Processos de Negócio atende as Pequenas e Médias Empresas da Região metropolitana de Curitiba, Paraná.

Telefone: (41) 3015-0705
Celular: (41) 9 9135-3323 VIVO
E-mail: Contato