Métodos de migração de sistemas

No artigo anterior falei um pouco sobre Implantação de sistemas sem surpresas que nada mais é do que o pré-requisito básico para substituição de um sistema na empresa

Mas antes de abordar cada etapa de um projeto seguindo as melhores práticas do PMI, falaremos sobre o momento mágico de um projeto de implantação de sistemas, o famoso “GO-LIVE” (A Entrada do sistema em produção), essa é a etapa que da um “friozinho na barriga” até para os mais experientes. Existem diversos métodos para substituir o sistema antigo por um novo sistema, vamos abordar os mais conhecidos ou os principais, o importante é saber que não existe o melhor método pois para cada cliente/projeto existe um método que melhor atenderá aquela situação, abaixo um gráfico que representa bem estes métodos:

Métodos de migração de sistemas
Métodos mais conhecidos para migração de sistemas

Direto

Eu chamaria este método (ironicamente) como método “Chuck Norris”, pois neste caso tudo precisa estar bem testado, validado e homologado, os usuários bem treinados e totalmente familiarizados com o novo sistema, pois não existe espaço para imprevistos, como pode ser visualizado na imagem o sistema antigo é utilizado até uma determinada data e no dia seguinte inicia-se o uso do novo sistema.

É importante ter uma boa equipe técnica para suporte. Eu recomendaria este método apenas caso a empresa (na qual será migrado o sistema) esteja fechada/em reforma, assim quando a mesma reabrir/reinaugurar as operações poderão ser iniciadas já com o novo sistema, pois neste caso é possível uma melhor preparação para a migração, caso a empresa não possa parar (maioria dos casos, rs…) este método só é recomendado para sistemas extremamente simples, ou que não sejam vitais para o negócio.

Por Etapas/Módulos

Este método divide o sistema ou a empresa na qual se esta fazendo a migração em Etapas/Módulos que sejam possíveis de serem implantados individualmente, caso a empresa tenha inúmeras filiais faz-se então a migração de duas unidades por semana (por exemplo), ou pode-se dividir o sistema a ser implantado, implantando primeiro o módulo financeiro, depois o módulo contábil e assim por diante.

Desta maneira a migração do sistema é feita aos poucos e após o sucesso de cada etapa/módulo partimos para o próximo e assim sucessivamente até o término da migração e o sucesso do projeto, correndo assim menos riscos no processo, pois em um eventual problema com uma das etapas os demais podem ser postergados até a solução minimizando assim os impactos do problema para a empresa.

Piloto

Este método é bastante utilizado quando usamos uma unidade ou grupo de unidades da empresa como piloto para utilização do novo sistema, se o novo sistema aderiu bem aos processos operacionais das unidades piloto certamente atenderão as demais unidades da empresa, este método é valido caso todas as unidades tenham processos iguais ou semelhantes, também pode-se usar este método junto com o Paralelo para obter um maior nível de segurança e contingência.

Paralelo

Este método é um dos mais seguros, mas ele é redundante como se pode observar no gráfico, os usuários replicam para o sistema novo tudo que realizam no sistema atual, pois em caso de um eventual problema ou situação não prevista no sistema novo pode-se voltar ao sistema atual e ter todos os dados em dia, mas imaginem o trabalho que isso dá, pois o usuário tem que fazer duas vezes a mesma coisa e isso afeta diretamente o cliente e seu negócio que perde velocidade no atendimento.

No próximo artigo vamos falar sobre boas práticas momentos antes do GO-LIVE e como lidar corretamente com os problemas/imprevistos que surgem após a entrada do novo sistema em produção.

Fonte: http://flinox.blogspot.com.br/2011/07/metodos-de-migracao-de-sistemas.html

Escrito por Fernando Lino

Publicado dia 21 de Junho de 2011

Gostou da matéria? Venha ler outros artigos e compartilhe nas suas redes sociais:

Twitter Compartilhe no Twitter
Facebook Compartilhe no Facebook.
Linkedin Me procure no Linkedin.
Foursquare Também uso o Foursquare.
Slideshare Também uso o Slideshare.
Scribd Também uso o Scribd.

Permalink: 

Diversos

Varejo Fale comigo Empresas Livros BizAgi BPM Modeler

Consultoria

Sua empresa cresceu ultimamente et você não consegue mais controlar os custos? Implemente as metodologias TCM, BPA, CRM e WPM!

Contato

Meu serviço de consultoria em Softwares de Gestão & Processos de Negócio atende as Pequenas e Médias Empresas da Região metropolitana de Curitiba, Paraná.

Telefone: (41) 3015-0705
Celular: (41) 9 9135-3323 VIVO
E-mail: Contato